SOB O DOMÍNIO DE TRAVIS

Em VEJA do dia 25/02/09, o amargo Diogo Mainardi resolveu citar dentes e dentista em seu texto. Nada muito interessante, mas não custa nada ler o trecho: “Apesar de tudo, continuo a ler sobre Lula. Quando isso acontece – e acontece diariamente –, eu me sinto como Charla Nash. Sim, Charla Nash: aquela pobre americana que foi brutalmente agredida por Travis, o chimpanzé. É o que ocorre comigo: quando leio sobre Lula, Travis, o chimpanzé – um Travis, o chimpanzé, metafórico –, pula em cima de mim e começa a arrancar nacos de meu rosto com os dentes. Depois do incidente, Sandra Herold, amiga de Charla Nash e dona de Travis, o chimpanzé, declarou que o animal era como um filho para ela. Eu, dilacerado por aquela irracionalidade primata, com o rosto desfigurado – metaforicamente desfigurado –, como posso reagir? Posso comer um pudim. Posso marcar uma consulta com o dentista. Posso dormir. Posso me recusar a tomar banho”. E se depois ainda der vontade de ler o artigo inteiro, está aqui com o título de  SOB O DOMÍNIO DE TRAVIS.


Travis, a chimpanzé de estimação morta por policiais depois de ataque

Travis, a chimpanzé de estimação morta por policiais depois de ataque





Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: